domingo, Julho 15, 2012

Conde de Vimioso

Dando continuidade ao longuissimo período de letargia (mental) que estamos a passar, nada mais adequado que ir bebendo vinhos descomplexos, lineares e refrescantes, com o (importante) objectivo de ir esvaziando, ainda mais, o sistema cerebral.


Como tal, este Conde de Vimioso (título criado por D. Manuel I, por carta de 2 de Fevereiro de 1515, a favor de D. Francisco de Paula de Portugal e Castro, 1.º conde de Vimioso. Informação by Wikipédia), cumpre o desiderato para o qual foi projectado. Vinho de época e da época. Barato e de largo espectro.


Post Scriptum: O vinho foi oferecido pelo Produtor.

Sem comentários: