sábado, setembro 24, 2011

The Fladgate Partnership Parte I - CROFT Vintage 2009‏

Preâmbulo
Após uma semana em que nada, ou quase nada, de relevante se passou por terras da mãe pátria, chega-se ao fim com a estranha, quiçá anormal, sensação de que existe algo por preencher. Espaços em branco indistintos e distantes. O silêncio é tramado, transpira a maquinação. Suspira-se, por fim, e deseja-se que os dias vindouros tragam irrequietude, mais assunto, mais conduto e mais clareza de ideias.
O sexto dia serve, quase sempre, para fecharmo-nos sobre nós mesmos, desligar as conexões com o exterior e ser, nem que seja por um breve ápice, qualquer coisa desavinda. O vinho catalisa todo este processo de desmontagem e de confrontação pessoal.


Croft Vintage 2009, membro do universo The Fladgate Partnership, surge-nos, defronte, repleto de força, carregado de fruta madura, em que ameixas, amoras e mirtilos se envolvem num jogo de opulência, num rodopio orgíaco. Na verdade um vinho fausto, amplo e, como todo o vintage jovem, muito travesso. Que se desfrute agora, pois lá sabemos se andaremos por cá nos próximos dez, vinte, trinta anos.

Post Scriptum: Vinho enviado pelo Produtor.

Sem comentários: